'

segunda-feira, 7 de setembro de 2020

Leituras de Setembro

 

Contos do Balé - Inês Bogéa

A menina mal olhada, Giselle, Coppélia, O lago dos cisnes e Petrouchka são os balés contados nesse livro. A autora narra as histórias desses clássicos e tem tudo a ver com a sessão "Ballet" desse blog... ou seja, amei!



Outros Contos do Balé - Inês Bogéa

Dessa vez as histórias narradas são A Sílfide, O corsário, La Bayadère, O Quebra-Nozes e O Pássaro de Fogo. Mais ballets de repertório maravilhosos e que eu amo!!!


Leitura de Agosto

 


A crise dos 25 - Alexandra Robbins & Abby Wilner

Ok, eu já estou com 26, mas a crise ainda não passou... Principalmente na área profissional, que foi gravemente afetada com a pandemia, então esse livro tá me ajudando a perceber que não estou sozinha nesse crise louca da fase entre 25 e 30 anos. É mais do mesmo, mas pra quem tá passando pelo período de conflito, é um consolo.

sábado, 27 de junho de 2020

Leitura de Junho


O Símbolo Perdido - Dan Brown
Há quem ame e quem odeie os livros do Dan Brown. Eu sou da leva que ama! Rsrs
Apesar do plot ser sempre o mesmo (quem já leu sabe sobre o que estou falando), os detalhes e reviravoltas das histórias acabam prendendo a atenção do começo ao fim.
E o que eu mais curto são os fatos históricos, curiosidades sobre museus e obras de arte que ele cita O TEMPO TODO!

PS. Em julho não terá livro novo porque quero dar um gás na leitura de alguns artigos e revistas da minha área profissional... Voltamos à programação em agosto! Haha

sexta-feira, 12 de junho de 2020

Doze de junho



Namorado. E pensar que essa já é a quarta vez que te chamo assim. O primeiro, que agora também será o último.
Treze anos de uma história de idas e vindas que daria um livro se a gente fosse contar. E a novela seria boa, pois teria amor, ódio, paixão e lágrimas, mas nunca indiferença.
Quando perguntam pra gente a quanto tempo estamos juntos, a resposta mais óbvia é dizer que temos uma história de mais de uma década. Porque é isso... correto ou não, nunca nos deixamos. Em pensamento, lá no fundo do coração, num cantinho obscuro, eu sabia que era você. Sempre foi você e sempre vai ser.
Em todo esse tempo, a vida veio e nos ensinou várias lições poderosas e sofremos pra entender várias delas. Só que agora, anos depois, por causa dessas lições aprendidas, pudemos nos reencontrar e unir nossos corações mais uma vez, e em definitivo.
É bonito ver como crescemos e amadurecemos e chega a ser engraçado lembrar todos os caminhos tortuosos que a vida nos fez caminhar pra chegarmos até aqui. Nunca estivemos tão juntos, tão fortes e tão decididos a continuar nessa entrega diária de doação e concessões constantes.
A verdade é que não vejo mais a minha vida sem você pra tomar conta de mim, pra me atormentar e me acordar quando estou dormindo, assim como você fez hoje de manhã. Não tem volta, amor, agora é só daqui pra frente. E eu amo tudo isso.

segunda-feira, 11 de maio de 2020

Leitura de Maio

Os sete hábitos das pessoas altamente eficazes
Tentando voltar a ser produtiva aproveitando o tempo livre do isolamento!
Será que vou conseguir?